Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

Indicação de desembargador cearense ao STJ é aprovada pela CCJ do Senado

O desembargador cearense recebeu 27 votos favoráveis e nenhum contrário

Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) sabatina indicados para assumir o cargo de ministros no Superior Tribunal de Justiça (STJ). Mesa: indicado para o cargo de ministro Superior Tribunal de Justiça (STJ), Teodoro Silva Santos (MSF 61/2023). (Foto: Roque de Sá/Agência Senado)

25/10/23 16:35

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado Federal aprovou, de forma unânime, a indicação do desembargador cearense, Teodoro Silva Santos, para a função de ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Após ser sabatinado nesta quarta-feira (25), o magistrado cearense recebeu 27 votos favoráveis, e nenhum contrário pela aprovação. Além de Teodoro Silva Santos, também foram aprovados o desembargador José Afrânio Vilela e a advogada Daniela Rodrigues Teixeira.

Participe do grupo do CN7 no WhatsApp

Teodoro Silva Santos recebeu 27 votos favoráveis e nenhum contrário. O mesmo aconteceu com o também desembargador José Afrânio Vilela. A advogada Daniela Rodrigues Teixeira recebeu 26 votos favoráveis e um contrário.

A indicação, agora, deve ir ao plenário do Senado. Essa é a última etapa antes da escolha definitiva. Os três magistrados foram indicados pelo presidente Lula a partir de duas listas: uma composta por quatro desembargadores estaduais e a outra é formada por três nomes da advocacia.

Inscreva-se no canal do CN7 no Telegram

Durante a sabatina, os três indicados ao STJ foram questionados sobre temas como feminicídio, segurança pública e acesso à saúde, além da legalização do aborto. Antes, os três falaram sobre suas respectivas trajetórias no sistema de Justiça.

Confira o momento do anúncio da aprovação:

LINKS PATROCINADOS