sete dias sem medo da notícia
Investigado
Diretor administrativo do BNB, Haroldo Maia Júnior é investigado pelo MPCE
MP aponta que diretor do BNB está atrasando propositalmente o processo licitatório
Haroldo Maia Júnior
Por : Redação CN7
24/11/21 17:35

O diretor administrativo do Banco do Nordeste (BNB), Haroldo Maia Júnior, está sendo investigado pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MP-CE) por supostas irregularidades nos contratos, convênios e termos de parceria firmados pela instituição financeira sem o processo licitatório. Entre eles, a parceria que durou 18 anos entre BNB e INEC.

Além das irregularidades nos contratos sem licitação, o Ministério Público aponta também que Haroldo Maia estaria “postergando propositalmente” a escolha de uma empresa para assumir o microcrédito do banco com discussões “infundadas e infindáveis“. Desta forma, o contrato do BNB com o INEC seria prorrogado. O superintendente de licitações, José Valter, também é apontado como parte envolvida nas investigações.

O Ministério Público deu, ainda, um prazo de 15 dias para ele apresente sua defesa por escrito sobre as acusações.

Confira o documento:

Leia mais: Três empresas disputam a operacionalização do microcrédito do BNB
Leia mais: MPF investiga possíveis irregularidades entre BNB e INEC
Leia mais: INEC comemora desclassificação de 3 empresas para microcrédito do BNB

LINKS PATROCINADOS