sete dias sem medo da notícia
Sujeira?
MPF investiga possíveis irregularidades entre BNB e INEC
Parceria entre o banco e a ONG petista já dura 18 anos
Por : Redação CN7
24/11/21 12:32

O Ministério Público Federal (MPF) no Ceará abriu investigação para apurar as possíveis irregularidades no contrato, sem licitação, entre BNB e INEC, que já dura 18 ano.

O órgão também irá investigar por que a comissão de licitação tenta postergar a decisão sobre a escolha de uma empresa para assumir o microcrédito do banco, criando diligências que não constam do edital, com a clara intenção de inabilitar as três interessadas no pleito. A suspeita é que isso esteja sendo feito para que o contrato com a INEC seja prorrogado.

Em tempo

Complica-se, assim, a situação do diretor administrativo do BNB, Haroldo Maia Jr, que quer desclassificar as 3 empresas que participam da licitação do microcrédito do BNB.

O MPF-CE entrou no caso e irá apurar se Haroldo Maia deu mesmo essa ordem para atrapalhar processo licitatório no BNB.

Em tempo II

No Planalto, a ideia que está em discussão é acionar a Polícia Federal para investigar Haroldo Maia e seus cúmplices no objetivo de impedir a licitação do microcrédito.

Confira nota do MPF do Ceará

LINKS PATROCINADOS