Sete dias por semana sem medo da notícia!
Traficante é morta a tiros e clima de pânico se espalha em bairros da zona Leste
Após o assassinato da mulher, boatos de uma "guerra" de quadrilhas se espalharam
Charliene assumiu o comando tráfico após o marido ser preso e acabou sendo morta

A Polícia Militar redobrou a atenção nos bairros da zona Leste de Fortaleza após o assassinato de uma traficante, na noite de ontem (18), no Morro do Castelo Encantado. A vítima era apontada como envolvida em crimes de homicídio, tráfico de drogas e ligada a uma facção. O clima no morro que compreende as comunidades Santa Terezinha, Castelo Encantado e Serviluz está em clima tenso.

A mulher morta foi identificada como Charliene Silva dos Santos, 26 anos, que assumiu o controle da venda de drogas em vários pontos do bairro após o marido, também traficante, conhecido por “Cabeça”, ser preso.

Na noite desta quinta-feira, Charliene, que usava tornozeleira eletrônica, caminhava pela Rua Nova Iguaçu quando foi surpreendida pelos criminosos e recebeu vários tiros à queima-roupa, um deles no rosto, como marca do tráfico e das facções.  Logo depois, foram ouvidos barulhos de fogos de artifício no alto do morro, uma espécie de comemoração pelo assassinato.

Logo após a fuga dos atiradores, moradores trataram de socorrer a mulher. Ela foi levada até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Praia do Futuro, mas deu entrada ali já sem vida.  No começo da madrugada de hoje, o corpo foi encaminhado à Coordenadoria de Medicina Legal (Comel), da Perícia Forense do Ceará (Pefoce).

Medo no morro

Após a morte de Charliene começaram a se espalhar boatos na área, revelando que traficantes do Castelo Encantado iriam invadir outras comunidades daquela região para vingar a morte de Charliene. O alvo seriam comparsas do traficante “Vaqueirinho”, que comanda o tráfico em toda a zona Leste (bairros como Serviluz, Vicente Pinzón, Castelo Encantado e Caça e Pesca)  e possui mais de 200 casas nos morros de Santa Terezinha, das Placas e no Serviluz, na área do Grande Vicente Pinzón.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também