sete dias sem medo da notícia
Tasso Jereissati e Cármen Lúcia se fortalecem para 2018 após delação contra Temer
Por : Redação CN7
17/05/17 21:13

Brasília ainda está em silêncio após a bombástica delação do empresário Joesley Batista, da JBS, afirmando que tem filmagens do presidente Michel Temer (PMDB) comprando o silêncio do deputado cassado Eduardo Cunha, mas já se analisa o cenário após o que pode ser o fim do governo Temer.

No atual cenário, dois nomes devem ganhar força para a disputa à presidência em 2018: o senador Tasso Jereissati (PSDB), que já estava sendo sondado pelo partido como possível candidato; e  presidente do Superior Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, que nunca confirmou candidatura, mas já é citada nas pesquisas.

Tasso aparece como um dos políticos tradicionais que estão passando pelos escândalos revelados pela Operação Lava Jato sem manchas ao seu nome. Cármen aparece como a candidata fora do universo político, em um momento em que cresce na população uma aversão a políticos.

 

LINKS PATROCINADOS