STF aceita denúncia e Fernando Collor vira réu na Lava Jato por corrupção

22/08/17 19:08

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, por unanimidade, nesta terça-feira (22), aceitar a denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o senador Fernando Collor (PTC), pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Os ministros rejeitaram as acusações por peculato e obstrução de Justiça, porém também aceitaram a denúncia contra Pedro Paulo Bergamaschi de Leoni Ramos, apontado como operador particular do ex-presidente pelos mesmos crimes. Luís Amorim, diretor-executivo das Oraganizações Arnon de Mello, responsável pela TV Gazeta de Alagoas também virou réu, acusado de ter recebido R$ 1 milhão do doleiro Alberto Youssef para repassar para Collor.

Segundo a PGR, entre 2010 e 2014, Collor fez parte de uma organização criminosa na BR Distribuidora – subsidiária da Petrobras – para desviar recursos públicos. No esquema, o ex-presidente recebeu mais de R$ 29 milhões em propina.

 

Com informações do Valor Econômico

LINKS PATROCINADOS