sete dias sem medo da notícia
Secretário de Segurança insiste em conduzir coercitivamente Donizete, mesmo sem apoio de delegados
Vitorya Sarah e André Costa
Por : Redação CN7
11/02/20 9:15

O secretário de Segurança do Ceará, André Costa, continua querendo que o jornalista e presidente do grupo Don7, Donizete Arruda, seja intimado para falar sobre denúncias que faz no programa de rádio Ceará News e no portal CN7. O desejo de André foi exposto ontem (10) em reunião com delegados. O mais estranho de tudo é que quase todos são contra a intimação, mas o secretário insiste nela, como sendo uma questão pessoal.

“Nessa segunda-feira, a minha empresa Draco Marketing, sofreu a segunda intimação, agendada para amanhã, dia 12, às 10h”, afirmou Donizete.

O jornalista relatou ao CN7 o que está acontecendo nos bastidores da Segurança Pública do Ceará. “Durante discussões para obrigar a minha presença nas intimações ditatoriais do André Costa, a maioria dos delegados da Polícia Civil presentes no gabinete do Secretário de Segurança se manifestou contra, inclusive o autor da 1ª intimação, delegado Alisson Gomes. O argumento usado: isso caracteriza abuso de autoridade”.

E Donizete falou mais: “Mesmo ciente disso, secretário André se prepara para me levar coercitivamente para depor. Estou aguardando. Detalhe: não é permitido o uso de algemas. Ou o Sr. rasgará a Lei para satisfazer os caprichos de sua noiva, que hoje manda na Segurança do Ceará?”.

Em tempo

O jornalista ainda fez questionamento ao governador Camilo Santana: “O Sr. vai assistir calado a essa agressão à liberdade de imprensa?”.

Entenda o caso

Confira a nova intimação

Ouça fala de Donizete nesta terça

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
LEIA TAMBÉM