Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

Relator da LDO propõe fiscalização de recursos do Sistema S e recebe críticas

Entidades patronais não querem prestar conta dos repasses da União

Danilo Forte

11/12/23 9:14

O relator da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), o deputado federal cearense Danilo Forte, propôs que os recursos do Sistema S fossem fiscalizados pela Receita Federal. Depois disso, recebeu críticas e foi alvo de documento, aqui no Ceará, assinado pelas seguintes entidades patronais: FIEC, Fecomércio CE, FAEC, FETRANS e Sebrae CE.

Motivo da briga: no Governo Temer, foram extintas as contribuições sindicais dos trabalhadores, mas não a dos patrões, ou seja dos sindicatos patronais. Devido a isso, a União repassa cerca de R$ 38 bilhões à entidades patronais. Por uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), nenhuma dessas entidade patronais precisa prestar conta do dinheiro recebido.

Em tempo

O protesto dessas entidade tem a ver com isso.

Em tempo II

Na votação da LDO esta semana, os representantes dos sindicatos patronais querem que essa proposta seja derrotada.

Confira documento das entidades cearenses

LINKS PATROCINADOS