Sete dias por semana sem medo da notícia!
Prefeito afastado de Beberibe tem casa invadida no Eusébio e é brutalmente espancado
Irmã de Padre Pedro recebeu tiro nas costas e está internada no IJF
Padre Pedro

O prefeito afastado de Beberibe Padre Pedro teve sua residência invadida no Eusébio. Ele foi brutalmente espancado e sua irmã levou um tiro. O absurdo aconteceu no sábado (4). A Polícia abriu investigação para identificar os autores do atentado. Outra hipótese não descartada é assalto.

Três bandidos com escopeta pularam o muro da casa de Pedro. Eles exigiram R$ 50 mil. Como o gestor disse que não tinha, começou a apanhar. Quando os invasores preparavam a execução do religioso, as irmãs do padre buzinaram chegando em casa.

A chegada delas assustou os marginais. Um deles disparou nas costas de Laís Cunha, irmã de Pedro, que tentava voltar para o carro. Deu um segundo tiro que atingiu o veículo. Mesmo ferida, Laís fugiu. Ela correu, entrou no carro e sua outra irmã saiu em disparada.

Em tempo

Os bandidos estavam prontos para matar Padre Pedro. Antes da chegada de suas irmãs, Padre Pedro rezava certo de que havia chegado a sua hora. O bando anunciou em meio ao espancamento que o prefeito afastado seria executado por se recusar a dar R$50 mil a eles. Sem grana, Padre Pedro sabia que morreria.

Em tempo II

Laís Cunha foi operada no IJF e não corre risco de vida. Padre Pedro já teve alta.

Em tempo III

Um fato revelado por Padre Pedro é que ele vinha sendo seguido. A se confirmar essa informação, fica mais fácil descobrir o crime.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também