sete dias sem medo da notícia
Inquérito
PF quer investigar deputados federais envolvidos no escândalo do Orçamento Secreto
CGU identificou sobrepreço de R$ 142 milhões em convênios
Najara Araujo/Câmara dos Deputados
Por : Redação CN7
20/11/21 9:10

A Polícia Federal pediu abertura de inquérito ao Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar a a participação de deputados federais em desvio de verbas por meio meio das emendas de relator, recursos que compõem o orçamento secreto. O esquema foi revelado em maio pelo jornal O Estado de S. Paulo.

O objetivo é identificar os autores das emendas que tiveram irregularidades detectadas pela Controladoria Geral da União (CGU), com repasses relativos à compra de equipamentos agrícolas, incluindo tratores para prefeituras. O órgão identificou sobrepreço de R$ 142 milhões em convênios e licitações realizados pelo Ministério do Desenvolvimento Regional.

O ministro da CGU, Wagner Rosário, já afirmou em audiência na Câmara dos Deputados no dia 07 de outubro que o órgão e a PF estavam apurando um suposto esquema de venda de emendas parlamentares, incluindo as de relator

LINKS PATROCINADOS