Sete dias por semana sem medo da notícia!
MPCE entra com pedido de afastamento do prefeito João Ribeiro de Itapipoca
Órgão quer a condenação e suspensão dos direitos políticos do gestor

Nesta terça-feira (29), o Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) entrou com uma ação por improbidade administrativa contra João Ribeiro Barroso, prefeito de Itapipoca. O órgão quer a condenação e suspensão dos direitos políticos do gestor, acusado de nomear uma funcionária fantasma, que recebia salário sem trabalhar, em troca de apoio político na eleição de 2008.

A investigação teve início com um pedido de aposentadoria rural da funcionária, que revelou a Justiça nunca ter trabalhado na prefeitura, mesmo tendo recebido salário mensal. Em resposta, a gestão apresentou a situação funcional, fichas financeiras e folhas de frequência da funcionária, mas exames constataram assinaturas falsas.

De acordo com o MPCE, João Ribeiro faltou diversas audiências extrajudiciais em que foi intimado.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também