Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

Elmano firma parceria para aprimorar tratamentos cardiovasculares

A assinatura do acordo ocorreu no Palácio da Abolição

(Foto: Thiago Gaspar/Governo do Ceará)

15/04/24 15:54

O governador Elmano de Freitas firmou uma parceria que estabelece a cooperação entre o Hospital de Messejana Dr. Carlos Alberto Studart Gomes (HM) e o Hospital Universitário Cardiovascular de Xiamen, na China, com o intuito de aprimorar o diagnóstico e o tratamento de doenças cardiovasculares na rede pública de saúde. A assinatura do acordo ocorreu, nesta segunda-feira (15), no Palácio da Abolição, em Fortaleza.

Siga o canal do CN7 no WhatsApp

“Quando visitei o Hospital de Xiamen, percebi a grande capacidade do povo chinês de estruturar a saúde, mas também de fazer todo o trabalho de pesquisa e desenvolvimento de equipamentos. Espero que essa iniciativa de profissionais trocando experiências possa avançar para termos colaboração em pesquisa e possibilidades de equipamentos, para prestar um melhor serviço de saúde à população cearense. Estou muito feliz e honrado de assinar essa cooperação que para nós é motivo de orgulho”, disse Elmano de Freitas.

Ainda nesta segunda-feira (15), a comitiva chinesa visita o Hospital de Messejana, a fim de conhecer a estrutura, profissionais e serviços da unidade.

Estiveram presentes na ocasião, as secretárias Roseane Medeiros, de Relações Internacionais; e Tânia Mara Coelho, da Saúde; o secretário do Desenvolvimento Econômico, Salmito Filho; o diretor do Hospital de Messejana, Carlos Augusto Lima Gomes; o membro do Comitê Permanente do Comitê Provincial do Partido Comunista da China (PCCh) de Fujian e secretário do Comitê Municipal do PCCh de Xiamen, Cui Yonghui; a cônsul-geral do Consulado Geral da China em Recife, Lan Heping; o diretor do Hospital Universitário Cardiovascular de Xiamen, Wang Yan; entre outros membros da comitiva chinesa.

Parceria

A cooperação envolve o Hospital de Messejana, unidade da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) situada em Fortaleza, e o Hospital Universitário Cardiovascular de Xiamen, também conhecido como Centro Cardíaco de Xiamen, localizado na cidade de mesmo nome, na província de Fujian. As duas unidades de saúde pública são referência para o tratamento de doenças cardíacas em seus respectivos países.

A parceria, portanto, visa o compartilhamento de experiências e tecnologias para aperfeiçoar tratamentos, gestão médica, pesquisa científica e capacitação profissional na área de cardiologia. Com isso, será possível aprimorar o atendimento prestado, incluindo os serviços de telemedicina e análise de dados médicos.

Sobre o intercâmbio técnico-científico, o Ceará já enviou um profissional do Hospital de Messejana para o Hospital de Xiamen. O cirurgião cardiovascular Felipe Simão está atualmente na cidade chinesa para estudos.

Referências em cardiologia

O Hospital de Messejana é voltado para assistência de alta complexidade, ensino, pesquisa e inovação, sendo especializado no diagnóstico e no tratamento de doenças cardíacas e pulmonares. Mais de 3.600 profissionais atuam na unidade.

O HM é o segundo maior hospital do Brasil em número de transplantes cardiovasculares, registrando, até o momento, 533 procedimentos, além de 54 transplantes pulmonares. Outro importante setor da unidade é o serviço de Hemodinâmica, que realiza mensalmente cerca de 700 procedimentos diagnósticos e terapêuticos na área cardiovascular, funcionando 24 horas por dia.

Inscreva-se no canal do CN7 no Telegram

O Centro Cardíaco de Xiamen, por sua vez, realiza mais de seis mil cirurgias cardíacas por ano. No total, o hospital atende anualmente mais de 200 mil pacientes. Para isso, conta com mais de mil profissionais da saúde, entre médicos e enfermeiros, 16 salas cirúrgicas e 600 leitos.

LINKS PATROCINADOS