sete dias sem medo da notícia
Durante discurso
Bolsonaro critica o STF e chama ministro Alexandre de Moraes de “canalha”
Ainda durante o discurso, o presidente garantiu que nunca será preso
Presidente Bolsonaro discursa na Avenida Paulista, em São Paulo. (Foto: reprodução)
Por : Redação CN7
07/09/21 17:28

O presidente Jair Bolsonaro voltou a criticar o Supremo Tribunal Federal (STF) nesta terça-feira (7), em São Paulo, durante manifestação do 7 de setembro. O chefe do Executivo ainda chamou o ministro Alexandre de Moraes de “canalha” e garantiu que nunca será preso.

“Ou esse ministro se enquadra ou ele pede para sair. Não se pode admitir que uma pessoa apenas, um homem apenas turve a nossa liberdade. Dizer a esse ministro que ele tem tempo ainda para se redimir, tem tempo ainda de arquivar seus inquéritos. Sai, Alexandre de Moraes. Deixa de ser canalha. Deixa de oprimir o povo brasileiro, deixe de censurar o povo. Mais do que isso, nós devemos, sim, determinar que todos os presos políticos sejam postos em liberdade”, disparou.

Bolsonaro criticou o atual sistema eleitoral brasileiro e pediu a implementação do voto impresso na disputa de 2022, apesar da proposta ter sido derrotada pelo Congresso Nacional. O presidente ainda voltou a dizer que apenas Deus o tira do Palácio do Planalto antes das eleições. “Digo aos canalhas que nunca serei preso”, garantiu.

LINKS PATROCINADOS