sete dias sem medo da notícia
Suspeito de integrar grupo criminoso que movimentou milhões é preso
A ação ocorreu na cidade de Itapipoca
(Foto: divulgação/PCCE)
Por : Redação CN7
07/05/21 18:25

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) deflagrou nesta quinta-feira (6) a 2ª fase da “Operação Fragmentados”, que tem o intuito de desarticular um grupo criminoso envolvido em crimes de estelionato, falsa identidade, falsidade ideológica, associação criminosa e lavagem de dinheiro. A ação ocorreu na cidade de Itapipoca. Um homem, identificado como Luís Teixeira de Sousa, de 45 anos, também conhecido como ‘Pinto’, foi preso. Junto a ele, a PCCE ainda apreendeu um veículo Hilux, diversos documentos falsificados utilizados nos estelionatos e uma quantia de R$ 40 mil.

A Polícia informou que, na ação, foram cumpridos três mandados de busca e apreensão, além de um mandado de prisão e o sequestro de um posto de combustível e uma fazenda. Todo material apreendido e sequestrado, somados, chegam a R$ 2,6 milhões. ‘Pinto’ é apontado como o proprietário dos bens sequestrados além de ser investigado pelos crimes de falsificação de documento público, estelionato e lavagem de dinheiro.

Leia mais: Polícia Civil desarticula grupo criminoso que movimentou R$ 35 milhões

LINKS PATROCINADOS