sete dias sem medo da notícia
Secretário manda recado para vândalos que incendiaram ônibus: “ninguém sairá impune”
André Costa foi aos terminais conversar com os policiais militares
Por : Redação CN7
21/04/17 6:52

“Ninguém sairá impune disso. Não recuaremos e daremos continuidade ao nosso plano de ação, com inteligência, investigação criminal e saturação nas ruas. Tudo o que está acontecendo não nos abala, não nos desvia do nosso caminho”.

A declaração foi dada, na noite passada, pelo secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, delegado federal André Costa. Novamente usando as redes sociais, o chefe da SSPDS  se manifestou acerca da série de atentados contra o sistema do transporte coletivo da Grande Fortaleza. Em dois dias, cerca  de 26 ônibus e outros veículos foram incendiados.

“Ontem, percebi nos olhos dos nossos policiais um brilho de quem está querendo realmente transformar essa realidade e apostos para combater o crime. De profissionais que estão se voluntariando a trabalhar na sua folga sem ganhar horas extras. Enfim, todos nós policiais estamos comprometidos com a Segurança Pública do Estado e da Capital”, completou Costa.

Depois de participar de uma reunião com o governador Camilo Santana e com a secretária da Justiça e da Cidadania, Socorro França, o secretário foi às ruas de Fortaleza. À noite e no começo da madrugada ele visitou vários terminais de passageiros da Capital e conversou com policiais militares de plantão e com motoristas e cobradores.  Segundo ele, a Polícia Militar vai continuar reforçando o patrulhamento, enquanto a Polícia Civil faz investigações para identificar e prender os autores dos atentados.

Corujões

Com frota reduzida no feriado de Tiradentes (21), os veículos do transporte coletivo de Fortaleza e da Região Metropolitana circularam na madrugada desta sexta-feira com a escolta de patrulhas da Polícia Militar.  Viaturas do Batalhão de Policiamento Comunitário (Ronda do Quarteirão) e do Policiamento Ostensivo Geral (POG) acompanharam os ônibus que fazem o turno dos “corujões”.

Já no começo da manhã, o trabalho de reforço policial recomeçou nos terminais mesmo com o  movimento de usuários reduzido.

LINKS PATROCINADOS