sete dias sem medo da notícia
Saneamento é desafio para o primeiro semestre de gestão dos novos prefeitos
Leia reportagem completa na edição desta semana do Jornal do Cariri
Por : Redação CN7
17/11/20 6:07

O saneamento básico será um dos principais desafios com os quais os prefeitos eleitos no último domingo (15) terão de lidar. Segundo indicadores mais recentes do IBGE, 37 de cada 100 brasileiros moram em domicílios marcados pela ausência de pelo menos um dos serviços de saneamento básico: coleta de lixo, abastecimento de água potável por rede de
abastecimento ou esgotamento sanitário por rede coletora.

Diante deste cenário, os gestores terão de adaptar os municípios às exigências de uma nova legislação aprovada em junho de 2020, o novo Marco Legal do Saneamento Básico.

O que exigirá habilidade e uma base aliada, já que muitas das ações
precisam ser aprovadas pelas câmaras municipais até 30 de junho de 2021.
Entre as ações, estão a participação em consórcios regionais com outras cidades para prestação dos serviços de saneamento e a adesão a uma
agência reguladora.

Leia reportagem completa na edição desta semana do Jornal do Cariri

LINKS PATROCINADOS