Sete dias por semana sem medo da notícia!
Saiba o real motivo da chacina do bairro Cajazeiras que vitimou 14 pessoas
Ceará News 7 está dando o caminho das pedras a André, mesmo achando que o governador Camilo Santana deva demiti-lo imediatamente
Secretário de Insegurança do Ceará, André Costa

A chacina do bairro Cajazeiras, com 14 vítimas e que teve repercussão nacional e internacional, foi uma ação friamente calculada pela facção criminosa Guardiões do Estado (GDE). Segundo apurou o Ceará News 7, o crime aconteceu para vingar a morte de um traficante chamado Damazio, um dos líderes da GDE. Ele foi assassinado pelo Comando Vermelho (CV) no mesmo bairro da chacina.

Ao saber que a pessoa que havia ordenado o homicídio de Damazio estava no Forró do Gago — local da chacina –, a cúpula da GDE na favela Pôr do Sol mandou uma equipe dar cabo à vida do membro do CV. Para despistar que o assassinato era em decorrência da guerra de facções, os bandidos mataram inocentes.

Ao contrário do que foi noticiado no dia, a GDE não usou fuzil, mas .40, 38  e 12.

Em tempo

Nem o governador Camilo Santana teve acesso a essas informações que o Ceará News 7 repassa, agora, à população. Ninguém, absolutamente ninguém, envolvido no crime ainda foi preso.

Depois da chacina, houve encontro de bandidos da GDE na favela do Pôr do Sol.

O secretário de Segurança, André Costa, continua defendendo que as mortes em decorrência da guerra de facções no Ceará são fatos isolados.

O Ceará News 7 está dando o caminho das pedras a André, mesmo achando que o governador Camilo Santana deva demiti-lo imediatamente.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também