Sete dias por semana sem medo da notícia!
Prefeito de Granjeiro e seu pai são suspeitos de assassinar João do Povo
Ticiano Tomé
Ouça a matéria

A operação da Polícia Civil em Granjeiro hoje (9), na investigação do assassinato do prefeito João do Povo, visava prender o atual prefeito do Município, Ticiano Tomé, e o pai dele, Vicente Tomé, mas a Justiça indeferiu o pedido.

Segundo o secretátio de Segurança do Ceará, André Costa, um outro pedido de prisão foi deferido, referente ao possível executor de João do Povo. O suspeito encontra-se foragido e teria agido a mando de Ticiano Tomé e Vicente Tomé.

Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a polícia conseguiu reunir provas que indicam que o crime teve relação à desavença política entre a vítima e outros políticos.

Durante as investigações, feitas pelo Departamento de Polícia Judiciária do Interior Sul (DPJI Sul), um veículo modelo Chevrolet S10, de propriedade de um parente de Vicente Tomé, documentos e aparelhos celulares foram apreendidos na casa do atual prefeito e do pai, que moram juntos. A caminhonete teria sido utilizada para dar apoio ao crime.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também