Sete dias por semana sem medo da notícia!
Prefeito afastado de Uruburetama é levado à clinica sob escolta e algemado
Advogados buscam atestar vulnerabilidade de saúde para prisão domiciliar
Foto: Reprodução/Internet

O médico e prefeito afastado de Uruburetama, José Hilson de Paiva, compareceu na tarde desta quinta-feria (08) à uma clínica no bairro Aldeota, em Fortaleza. Ele estava algemado e sob escolta policial. Hilson realizou exames conforme solicitado pela sua defesa.

Os advogados do médico, denunciado por estupro, buscam comprovar estado de saúde vulnerável a fim de beneficiá-lo com prisão domiciliar. A defesa afirma que Hilson Paiva tem problemas nos coração.

José Hilson de Paiva está preso desde o dia 19 de julho de 2019. Ele apresentou-se à Polícia Civil após ter a prisão preventiva decretada pela Justiça. No último dia 2 deste mês, o Ministério Público do Ceará (MPCE) denunciou o prefeito afastado de Uruburetama por estupro de mulheres em supostas consultas ginecológicas. Ele filmava os crimes.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também