sete dias sem medo da notícia
Prefeita em exercício de Saboeiro quer tirar licença médica de 90 dias
Prefeita de Saboeiro, Micheline Pinheiro
Por : Redação CN7
28/09/17 13:43

A prefeita em exercício de Saboeiro, Micheline Pinheiro (PSD), quer tirar uma licença médica e ficar 90 dias longe da Prefeitra do município. Ela argumenta que precisa do tempo para cuidar de sua saúde, mas aliados próximos informam que ela está sendo pressionada a deixar o cargo, sob ameaça de morte.

Caso se concretize o afastamento de Micheline, quem assume assume a prefeitura é o presidente da Câmara de Saboeiro, o vereador Ernani Júnior (PSD). Em nota enviada ao Ceará News 7, o presidente da Câmara afirmou ter rompido com o grupo do prefeito afastado Gotardo Martins (PSD).

Gotardo afastado

Gotardo Martins foi afastado no dia 20 de julho de 2017 acusado de participar de esquema de fraudes em licitações e superfaturamento somando prejuízo superior a R$ milhões aos cofres públicos. Ele teve ainda os bens bloqueados no valor de R$ 3,4 milhões.

Também foram afastados a sua esposa e secretária de Assistência Social, Tânica Martins, mais três secretárias, o pregoeiro José Alves de Alencar, o assessor especial do gabinete do prefeito, Luiz Flamarion, e o coordenador de Habitação, Heridenisson Lopes. Além disso, o filho do prefeito, Uriel Martins, teve sua prisão decretada na Operação Avalanche.

No primeiro momento, o prefeito debochou da operação, que levou 29 viaturas da Polícia Civil, oito promotores e mais de 100 policiais ao município. Para Gotardo, a ação era apenas um promotor “querendo aparecer”. Tem 29 viaturas no Saboeiro invadindo aas casas de todos os secretários, de todos os amigos do Gotardo, e o promotor está querendo aparecer lá. Mas tem nada não, contra a gente, não. Eu estou tranquilo, primeirinho no céu”.

LINKS PATROCINADOS