Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

População invade sessão na Câmara de Maranguape para dar surra em vereador

Tumulto teve origem em uma denúncia feita pelo político

01/09/23 10:34

O vereador Neto Girão (PP) foi alvo de agressões por parte de manifestantes durante uma sessão na Câmara Municipal de Maranguape, nesta quinta-feira (31). O tumulto teve origem em uma denúncia feita pelo político, relacionada a supostas irregularidades em contratações realizadas pela prefeitura, denúncia esta confirmada pelo Ministério Público e que levou à suspensão do benefício para mais de 900 cidadãos.

Um vídeo capturado por uma testemunha revela dezenas de manifestantes dentro das dependências da Câmara, expressando seu descontentamento em relação ao vereador. Em determinado momento, um casal se aproximou de Neto Girão e o agrediu, desferindo tapas em seus braços. Imediatamente, outras pessoas intervieram para afastar os agressores e garantir a segurança do vereador, que prontamente deixou o local.

Assista ao vídeo:

Do lado de fora da Câmara, os manifestantes usaram um veículo de som para proferir palavras de ordem e qualificaram o vereador como “covarde”. Horas após o incidente, Neto Girão recorreu às redes sociais para lamentar as agressões e agradecer às mensagens de apoio que recebeu.

“Reitero meu repúdio a qualquer ato de violência e que sou a favor a qualquer ato de manifestação, desde de que seja pacífico. Continuarei lutando pela verdade!”, declarou o vereador.

Assista ao pronunciamento:

Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por Neto Girão (@netogirao)

LINKS PATROCINADOS