Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

Polícia Civil investiga organização criminosa no Beco da Poeira há seis meses

Combate da Polícia a atuação de receptadores e adulteradores de aparelhos celulares

Foto: SSPDS

08/02/24 10:22

A Operação Táurida, deflagrada pela Polícia Civil do Ceará na última terça-feira (6), no Centro de Fortaleza, apreendeu mais de 400 aparelhos celulares. A investigação durou cerca de seis meses, segundo o delegado titular do 27º DP, Anchieta Fernandes. Ele explica detalhes da investigação e aponta a existência de uma organização criminosa na região.

Além da deflagração no Beco da Poeira, outros bairros da capital foram alvos de buscas. No Bonsucesso, um homem de 32 anos foi conduzido ao 19º DP. Na residência foram encontrados pelos agentes de segurança, diversos eletrônicos, pen drives, uma pistola.40 e munições. O objetivo da ofensiva foi combater a atuação de receptadores e adulteradores de aparelhos celulares, oriundos de roubos e furtos em Fortaleza.

Foram encontrados mais de 400 celulares novos e usados oriundos de roubos e furtos, além de quatro máquinas adulteradoras de aparelhos celulares, diversas caixas de baterias, centenas de telas de celulares e R$ 7 mil em dinheiro. Todos os envolvidos responderão a procedimentos policiais.

Veja fala do Delegado Titular do 27º DP, Anchieta Fernandes:

Entrevista coletiva.

LINKS PATROCINADOS