Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

PF prende motorista suspeito de tentar invadir o Palácio da Alvorada

Suspeito é residente da região e teria se enganado de caminho

25/02/24 7:00

A Polícia Federal (PF) informou, neste sábado (24), que o motorista suspeito de tentar invadir o Palácio da Alvorada, residência oficial do presidente da República, foi preso. O veículo utilizado na tentativa, um Ford Focus, também foi apreendido. A investigação está em andamento sob responsabilidade da PF.

De acordo com informações da própria PF, o suspeito é residente da região e teria se enganado de caminho ao tentar retornar para casa. Ele deverá prestar mais esclarecimentos durante o depoimento.

O carro teria desrespeitado o bloqueio, embora não tenha conseguido se aproximar do palácio, cuja portaria fica a cerca de 400 metros de distância do edifício. Após o ocorrido, o indivíduo fugiu do local utilizando o próprio veículo usado na tentativa de invasão.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a primeira-dama Janja Silva estavam na residência durante o incidente, mas permaneceram em segurança. A PF, em comunicado, não forneceu detalhes adicionais sobre o episódio, aguardando informações do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) da Presidência da República, responsável pelos bloqueios e abordagens nas proximidades dos prédios e residências oficiais do presidente e vice.

O GSI informou à reportagem que houve uma tentativa de burlar o bloqueio na via que conduz aos palácios Jaburu, residência do vice-presidente Geraldo Alckmin, e Alvorada.

A equipe jornalística buscou a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom), que confirmou o incidente sem fornecer mais detalhes.

Após ignorar a ordem de parada no bloqueio e continuar na via, o veículo teve os pneus furados pelo dispositivo com perfuradores de metal, utilizado para impedir o avanço de veículos não autorizados. Apesar dos disparos efetuados pelos seguranças, o motorista conseguiu deixar o local sem ser detido.

Com informações, Agência Brasil

LINKS PATROCINADOS