PF deflagra operação de combate a exploração sexual em Massapê

Polícia identificou que o investigado produzia e compartilhava conteúdo ilícito

08/12/23 9:16

A Polícia Federal deflagrou a Operação Anjo Caído, na manhã desta sexta-feira (08), com o objetivo de proteger vítimas de abuso sexual infantil, interrompendo supostos crimes de estupro de vulnerável, produção, armazenamento e difusão de arquivos digitais contendo violência sexual infantojuvenil por meio da Internet. Um Mandado de Busca e Apreensão expedido pela 18ª Vara Federal de Sobral foi cumprido em Massapê.

Foram identificados fortes indícios de atuação de um investigado na produção e compartilhamento de mídias contendo material ilícito, com disponibilização por meio da Internet. O suposto autor do fato pode responder pelo cometimento, em tese, dos crimes de estupro de vulnerável, produção, posse e disponibilização de material pornográfico envolvendo criança ou adolescente, cujas penas máximas somadas podem chegar a até 33 anos de prisão, sem prejuízo da descoberta de outros crimes mais graves praticados com a continuidade das investigações. As investigações continuam, com análise do material apreendido. O nome da operação remete a dados analisados durante a investigação.

LINKS PATROCINADOS