Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

Operação da Procap em Tejuçuoca resulta na suspensão de contratos da prefeitura com cooperativas

A ação resultou no afastamento do secretário de Finanças de Tejuçuoca

(Foto: reprodução)

28/05/24 16:46

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio da Procuradoria dos Crimes contra a Administração Pública (Procap), com apoio da Polícia Civil (PC-CE), deflagrou, nesta terça-feira (28), a Operação “Trabalho Limpo”. A ação resultou no afastamento do secretário de Finanças de Tejuçuoca por 180 dias, além da suspensão de contratos mantidos pelo Poder Executivo Municipal com as cooperativas responsáveis pelo fornecimento de mão de obra à prefeitura.

Siga o canal do CN7 no WhatsApp

Durante a ofensiva, realizada em Fortaleza e Tejuçuoca, foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão nas sedes da Prefeitura de Tejuçuoca e das cooperativas investigadas, e nas residências de sócios destas organizações e de gestores públicos da cidade. A pedido do MP do Ceará, o Tribunal de Justiça do Estado (TJCE) ainda determinou a quebra dos sigilos bancários e fiscal dos 11 investigados.

Inscreva-se no canal do CN7 no Telegram

Na ação, foram apreendidos documentos, aparelhos celulares e computadores. O material será analisado e subsidiará as investigações da Procap. Os investigados vão responder por crimes contra a Administração Pública, associação criminosa e falsidade ideológica.

A investigação

A investigação conduzida pela Procap apontou possíveis irregularidades na contratação de serviços de fornecimento de mão de obra por cooperativas para a Prefeitura de Tejuçuoca.

Confira documento:

LINKS PATROCINADOS