Sete dias por semana sem medo da notícia!
Oito ex-secretários de São Benedito são acusados de fraude em licitação

Oito ex-secretários do município de São Benedito estão sendo apontados pelo Ministério Público do Estado como responsáveis por irregularidades em uma licitação de contrato para locação de automóveis.

De acordo com a Ação Civil Pública, a empresa Humaitá Erireli – ME, contatada e contratada para fornecer o serviço, contava com apenas um veículo, enquanto que a demanda do municípios era de 55 anos para atender às secretarias da Educação, Meio Ambiente, Finanças, Saúde, Trabalho e Desenvolvimento Social, Infraestrutura, Cultura, Administração e Planejamento.

A empresa também é acusada de realizar a sublocação de veículos para promover o serviço, sem autorização prévia do Município.

O MPCE pediu que eles sejam condenados ao pagamento de R$ 1.181.490 para ressarcir os prejuízos aos cofres públicos e de R$ 200.000 pelos danos morais à coletividade; o bloqueio liminar dos bens para o pagamento dos valores citados; além das demais sanções citadas na Lei de Improbidade Administrativa.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também