sete dias sem medo da notícia
Sujeira
MPF investiga presidente do INEC por suspeita de esquema no BNB
ONG já teria faturado do banco, no mínimo, R$ 2 bilhões
Stélio Gama
Por : Redação CN7
29/09/21 11:06

O Ministério Público Federal abriu investigação contra o presidente do Instituto Nordeste Cidadania (Inec), Stélio Gama. Motivo: na gestão Romildo Rolim no BNB, conseguiu em 2017, como superintendente de Microfinanças da institutição, uma contrato milionário para ONG.

Indiferente à ética e às normas bancárias, em seguida, Stélio se aposentou do BNB e assumiu o INEC sem questionamentos pelo presidente Romildo.

Em tempo

Sem quarentena, Stélio Gama então assumiu a direção geral do INEC, numa relação no mínimo esquisita entre o BNB e o INEC.

Nos últimos cinco anos, o INEC faturou no mínimo R$ 2 bilhões através do contrato com o BNB com INEC.

Leia Também
LINKS PATROCINADOS
Leia Também