Sete dias por semana sem medo da notícia!
Mourão pressiona Bolsonaro para nomear Cândido Albuquerque reitor da UFC
Cândido Albuquerque

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, pressiona Jair Bolsonaro para nomear o advogado Cândido Albuquerque como reitor da Universidade Federal do Ceará (UFC). O documento já está na mesa do presidente, mas ainda não foi assinado porque o chefe do executivo está concentrado nas articulação para aprovar a Reforma da Previdência.

Enquanto Mourão trabalha por Cândido, o filho 02 do presidente, Carlos Bolsonaro, busca informações sobre o candidato a reitor, pois já ouviu que ele advoga para os Ferreira Gomes — inimigos declarados de Bolsonaro.

Cândido ficou com medo de um revés por interferência de Carlos, mas Mourão o tranquilizou. O vice-presidente afirmou que Bolsonaro age pela própria cabeça, mesmo admirando o filho.

Em tempo

Com o aval de Mourão, Cândido anda pelos corredores de Brasília dizendo que “Carlos é doido e não interfere na nomeação”.

Em tempo II

Fora dos bastidores, Cândido nega apoio de Mourão e jura de pés juntos que Carlos não é doido.

Em tempo III

Cândido já chamou Bolsonoro de louco, em grupo de WhatsApp dos professores da UFC, e defendeu a prisão do presidente.

Em tempo IV

Em tempo V

Cândido usa o sócio Gilberto para defender os FGs.

Veja documento

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também