X
Sete dias por semana sem medo da notícia!
Mourão critica 13º salário e Bolsonaro cancela agenda do vice até dia da votação
Segundo o vice do presidenciável, 13º é uma "jabuticaba brasileira"
Jair Bolsonaro

O general da reserva Hamilton Mourão (PRTB), candidato a vice-presidente na chapa de Jair Bolsonaro (PSL), criticou, na quarta-feira (26), os pagamentos do 13º salário e do adicional de férias ao trabalhador brasileiro, considerados por ele como “jabuticabas” e “mochila nas costas de todo empresário”.

“Temos algumas jabuticabas que a gente sabe que é uma mochila nas costas de todo empresário. Jabuticabas brasileiras: 13º salário. Se a gente arrecada 12, como é que nós pagamos 13 [salários]?”, afirmou o vice, durante palestra a empresários no interior do Rio Grande do Sul.

Bolsonaro, ao ser informado sobre mais uma declaração polêmica do vice, cancelou toda a agenda de Mourão até o dia 7 de outubro, quando serão realizadas as eleições, e afirmou que o ataque ao 13º salário é “uma ofensa a quem trabalha”.

Confira:

 

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também