Sete dias por semana sem medo da notícia!
Ministério Público pede o afastamento do prefeito João Bosco de Pentecoste
Denúncia é um desdobramento da operação “Caixa 2”, deflagrada em outubro de 2018
João Bosco Pessoa Tabosa, prefeito de Pentecoste

A Promotoria do Ministério Público do Ceará (MPCE) apresentou uma denúncia pedindo o afastamento do prefeito de Pentecoste, João Bosco Pessoa Tabosa. Ele é acusado associação criminosa, estelionato contra idoso e lavagem de dinheiro.

A decisão de afastamento do cargo caberá ao juiz de Direito Caio Lima Barroso, que recebeu a denúncia nesta quarta-feira (20).

Também foram denunciados pelos mesmos delitos a primeira-dama e secretária de Finanças, o presidente da Câmara, a procuradora do Município, dois bancários do Banco do Brasil, além de Maria da Conceição Domingos Sousa e Moisés da Silva Gomes. O presidente da Câmara foi denunciado, ainda, por peculato, pois Maria da Conceição foi empregada na Câmara como funcionária fantasma.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também