sete dias sem medo da notícia
Companheiro
Medo da PF na porta de casa faz Ciro voltar a ser amigo de Lula
"Eu não acho que o Lula seja um ladrão. Eu nunca disse isso", falou o FG
Lula e Ciro
Por : Redação CN7
15/12/21 15:59

O pré-candidato ao Planalto Ciro Gomes (PDT) agradeceu hoje (15) publicamente a solidariedade do também presidenciável Lula (PT), nas redes sociais, após ser alvo de Operação da Polícia Federal que investiga recebimento de R$ 11 milhões em propina pela Galvão Engenharia, entre os anos de 2010 e 2013, fruto de falcatruas de obras na Arena Castelão em Fortaleza. No período investigado, quem comandava o governo do Ceará era Cid Gomes, hoje senador, irmão de Ciro.

Ao ser questionado em entrevista ao portal UOL, sobre as denúncias que tem feito contra Lula — sobre corrupção nos governos petistas — Ciro falou: “Eu não acho que o Lula seja um ladrão. Eu nunca disse isso”.

O jornalista Tales Faria, colunista do UOL, disse que Ciro falou o seguinte mais cedo em programa de rádio de Datena: “Vão me insultar, vão me agredir, mas a intenção é exatamente essa, me abater para que eu seja moderado, para que eu não continue atacando aqueles ladrões, assaltantes da vida pública brasileira, como é o Bolsonaro e como foi o Lula”.

Tales disse que Ciro, então, chamou Lula de ladrão. Ciro ficou furioso e disse que não chamou Lula de ladrão. E soltou: “Quando eu quero chamar alguém de ladrão, eu chamo de ladrão”.

Veja vídeo

Confira apoio de Lula a Ciro

Leia Também
LINKS PATROCINADOS
Leia Também