Mais um policial civil é baleado ao reagir contra tentativa de assalto

O inspetor Antônio Sales Júnior foi levado para o Hospital Municipal de Caucaia por policiais militares

07/08/17 11:57

Menos de 48 horas após um policial civil ser baleado por bandidos, fato que resultou em sua morte na manhã desta segunda-feira (7), mais um membro da instituição é ferido por marginais. O caso ocorreu agora há pouco na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).  Um inspetor da Divisão de Combate às drogas (DCTD) reagiu a uma tentativa de assalto e foi baleado.

O caso ocorreu na cidade de Caucaia. O agente lotado na Delegacia de Narcóticos (Denarc), identificado como Antônio Sales Brito Júnior, estava próximo a uma churrascaria quando foi surpreendido pelo ataque de dois bandidos armados. Ele reagiu.

O inspetor sacou sua pistola e trocou tiros com os criminosos, mas acabou baleado em uma das pernas. Ele foi socorrido por uma viatura da Polícia Militar  e encaminhado, inicialmente, ao Hospital Municipal de Caucaia, onde recebeu o primeiro atendimento de emergência. Em seguida, transferido para um hospital particular.

Os dois assaltantes fugir e agora são caçados por equipe da Polícia Civil e patrulhas da Polícia Militar.

Outro caso

Na manhã de sábado último (5), o inspetor da Polícia Civil José Elio Ribeiro, 61 anos, foi baleado quando se encontrava em um lava-jato localizado na Rua Pedro Américo, no bairro Carlito Pamplona, na zona Oeste de Fortaleza. Bandidos invadiram o local e anunciaram o assalto. O inspetor reagiu. Chegou a travar uma luta corporal com os criminosos, mas acabou baleado na cabeça e no tórax.

Elio foi ferido gravemente e levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Avenida Leste-Oeste (Pirambu). Transferido para o Instituto Doutor José Frota (IJF-Centro), ele sofreu várias paradas cardíacas, enquanto era submetido à cirurgia. Na manhã desta segunda-feira (7), foi anunciado o seu falecimento.

LINKS PATROCINADOS