sete dias sem medo da notícia
Pensando em 2022
Lula vem ao Ceará para garantir palanque na disputa das eleições de 2022
Lula deve se reunir com Camilo Santana, durante visita ao Ceará
(Foto: divulgação)
Por : Redação CN7
31/07/21 10:54

A visita do ex-presidente Lula (PT) ao Ceará, em agosto, tem como principal intuito costurar um arranjo regional para ter um palanque forte no Estado, que atualmente é dominado pelos Ferreira Gomes e que tem o ex-ministro Ciro (PDT), adversário do petista nas eleições de 2022, à frente. Além disso, o ex-presidente busca se manter na liderança nas pesquisas de intenção de votos na região Nordeste. Por isso, ele vai realizar uma caravana que ainda vai passar por Bahia, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Maranhão. As informações são do Estado de S. Paulo.

Lula, quando vier ao Ceará, deverá se reunir com o governador Camilo Santana (PT) e pressioná-lo para “fechar” de vez com o PT. Isso porque, o atual chefe do Executivo cearense mantém uma boa relação os irmãos Ferreira Gomes e, em 2018, isso causou uma crise interna no partido. Na época, Camilo recebeu o então candidato à Presidência da República, Fernando Haddad (PT), mas também apoiava o ex-ministro Ciro Gomes, concorrente do petista pela vaga no Planalto.

Em 2018, os materiais de campanha, bandeiras, adesivos e campanhas de TV mostravam o governador Camilo Santana ao lado de Cid Gomes (PDT), irmão de Ciro, que, na época, concorria ao Senado.

O convencimento para que o governador feche de vez com o PT poderá não ser nada fácil. Camilo declarou abertamente que vai lutar até o último minuto para manter a aliança entre PDT e PT. “Vou lutar até o último momento para a gente possa aproximar e construir uma aliança a nível nacional nas eleições do próximo ano”, disse. A ideia do PT é que o atual governador deixe o cargo para concorrer a uma vaga no Senado. Assim, a vice-governadora, Izolda Cela (PDT), assume o governo cearense.

LINKS PATROCINADOS