sete dias sem medo da notícia
Lobista usa tática de Cunha e arrola Renan, Aníbal Gomes e Jader como testemunhas
Por : Redação CN7
26/04/17 18:29

O lobista Jorge Luz, preso há dois meses na Operação Lava Jato, está tentando repetir a tática usada pelo deputado cassado Eduardo Cunha para mandar aos ex-aliados do PMDB no Senado.

Em defesa prévia enviada ao juiz federal Sérgio Moro, Luz arrolou como testemunhas de defesa os senadores Renan Calheiros (PMDB) e Jader Barbalho (PMDB), além do deputado federal Aníbal Gomes (PMDB), considerado o “homem de Calheiros” na Câmara dos Deputados, e o ex-ministro de Minas e Energia Silas Rondeau.

No documento, a defesa do lobista afirma que as testemunhas são “imprescindíveis” para o esclarecimento dos fatos. Calheiros, Jader, Aníbal e Silas foram apontados por delatores como beneficiários de repasses de propina feitos por Jorge Luz.

 

Com informações da coluna Expresso (Época)

LINKS PATROCINADOS