Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

Líder do PT na Alece denuncia violência contra candidato a prefeito do partido

Pré-candidato sofreu uma tentativa de homicídio

(Foto: reprodução)

11/03/24 15:20

O líder do PT na Assembleia Legislativa do Ceará (Alece), De Assis Diniz, denunciou uma tentativa de homicídio contra o pré-candidato do partido em Senador Pompeu, Luizinho do Inharé. O crime teria ocorrido na madrugada de desta segunda-feira (11). Por meio das redes sociais, o presidente da Alece, Evandro Leitão (PT); e o prefeito do município, Maurício Pinheiro; e o líder do Governo na Câmara Federal, José Guimarães (PT), se solidarizaram com o pré-candidato petista.

Siga o canal do CN7 no WhatsApp

“Infelizmente, o clima político no município não favorece o diálogo e o correto funcionamento da democracia. Já estou acompanhando o caso e espero que a polícia e a Justiça ajam imediatamente e os culpados sejam presos e exemplarmente punidos”, afirmou De Assis Diniz.

Inscreva-se no canal do CN7 no Telegram

Segundo informações da família do pré-candidato, a residência de Luizinho, na comunidade de Inharé, foi invadida por três homens armados que renderam e amarraram o irmão, a irmã e a sobrinha do petista. Os criminosos tentaram localizar Luizinho, que conseguiu escapar pulando do segundo andar da residência e fugindo para um local seguro.

Notas de solidariedade

Por meio das redes sociais, o presidente da Alece e pré-candidato à Prefeitura de Fortaleza, Evandro Leitão, se solidarizou com o companheiro de partido e afirmou estar atento às investigações.

O atual prefeito de Senador Pompeu, Maurício Pinheiro, também se manifestou sobre o caso. O chefe do Poder Executivo municipal se solidarizou com Luizinho do Inharé e seus familiares e ressaltou que não compactua com qualquer tipo de violência.

O líder do Governo Lula na Câmara Federal, José Guimarães, cobrou celeridade nas investigações sobre o caso e defendeu punições severas aos culpados.

LINKS PATROCINADOS