X
Sete dias por semana sem medo da notícia!
Justiça determina retirada de publicidade do filho de Arnon do site da Prefeitura
Prefeito de Juazeiro do Norte tem 72h para tirar imagens que promovem o nome do filho em site da Prefeitura
Prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra

O juiz Francisco Mazza acatou, na manhã desta sexta-feira (9), o pedido de tutela de urgência formulado pelo Ministério Público contra o Prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra, e seu filho, Pedro Augusto Geromel, determinou que o gestor local retire, no prazo de 72 horas, todas as imagens do filho divulgadas no site institucional, sob pena de multa diária de R$ 5.000,00, a qual pode chegar ao limite de R$ 200.000,00. A partir da ordem judicial, o prefeito e o filho dele terão o prazo de 15 dias para apresentarem a defesa preliminar na ação de improbidade administrativa proposta contra eles.

Na decisão, ainda consta a expressa determinação de que o prefeito Arnon Bezerra abstenha-se de promover a imagem de Pedro Augusto Geromel no site e em eventos institucionais do Município de Juazeiro do Norte, o que vinha ocorrendo de maneira recorrente. Segundo um dos autores da ação, o promotor de Justiça Igor Pinheiro, “essa é a maior demonstração da falácia dos comentários de perseguição por parte do Ministério Público. Nós aturemos sempre que seja preciso, não importa quem seja o réu, do mais humilde servidor ao prefeito”, assevera.

Os representantes do Ministério Público ressaltam que continuam à disposição para apurar todos os atos de corrupção que a população queira denunciar, pessoalmente ou pelo “Aplicativo Corrupção Zero”. A iniciativa é fruto do “Projeto Corrupção Zero”, cuja finalidade é atuar na prevenção de atos de corrupção na gestão pública municipal, bem como receber denúncias via aplicativo. Para acessar o aplicativo, basta clicar aqui.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também