sete dias sem medo da notícia
Juazeiro do Norte
Juíza decreta prisão preventiva de ex-PM acusado de extorquir vereador
O youtuber foi preso em flagrante nesta segunda (1) pelo crime de extorsão
Por : Redação CN7
03/03/21 19:10

A juíza Maria Lúcia Vieira, em audiência de custódia realizada nesta quarta-feira (3), converteu o flagrante do ex-PM, João Paulo Ramos, para prisão preventiva. O youtuber foi preso em flagrante nesta segunda (1) pelo crime de extorsão contra o vereador de Juazeiro do Norte, Márcio Jóias (PTB).

O ex-policial militar e youtuber, João Paulo Ramos, de 39 anos, foi responsável por apresentar pedido de impeachment contra o prefeito de Juazeiro do Norte, Glêdson Bezerra (Podemos). Ele recebeu R$ 20 mil pela petição. A suspeita é que o mandante tenha sido o presidente da Câmara Municipal, Darlan Lobo (PTB), e o primeiro vice-presidente, Capitão Vieira (PTB). Se o mandato do gestor municipal fosse cassado, ele receberia mais R$ 200 mil pelo serviço.

Após a descoberta do esquema, Darlan Lobo e o vice, Capitão Vieira correm o risco de perderem seus mandatos.

Contudo, o plano não foi adiante. Mesmo com o processo de impeachment em andamento na Câmara de Vereadores, a Justiça mandou suspender o processo. Há suspeitas também que João Paulo mantenha 22 contratos com prefeituras do Cariri, onde há indícios de extorsão.

Confira os documentos:

LINKS PATROCINADOS