sete dias sem medo da notícia
Incidentes na porta de garagens e no aeroporto marcam começo da sexta-feira
A Tropa de Choque teve que intervir em um incidente na entrada do Aeroporto Pinto Martins ainda na madrugada
Por : Redação CN7
28/04/17 6:54

Um incidente entre funcionários do Aeroporto Internacional Pinto Martins e um confronto na porta de uma garagem de ônibus, no bairro Passaré, foram os primeiros incidentes registrados no fim da madrugada de ontem (27) e o começo da manhã desta sexta-feira (28), em Fortaleza, por conta da greve nacional convocada pelas centrais sindicais e partidos políticos. A Polícia Militar reforçou a segurança nos terminais, portas de garagens e nos corredores do transporte coletivo.

Segundo as autoridades, a circulação de ônibus na Capital cearense acontece de forma reduzida. “Estamos nas portas das garagens para garantir a saída dos coletivos”, afirmou ao cearanews7 o comandante do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), tenente-coronel PM Henrique Bezerra.

O incidente no Aeroporto Internacional Pinto Martins aconteceu antes do amanhecer, quando aeroviários tentaram impedir a entrada e saída de passageiros e acompanhantes no terminal. Viaturas  do Batalhão de Choque foram deslocadas para lá e a situação voltou à normalidade após  a chegada do reforço policial.

Tumulto

No Centro de Fortaleza, motoristas de ônibus tumultuaram o tráfego de veículos no cruzamento das Avenidas Domingos Olímpio e Tristão Gonçalves, próximo à sede da categoria. Segundo informações de motoristas, os manifestantes bloquearam o cruzamento com vários  ônibus que tiveram seus pneus secados. Restou aos guiadores pouco espaço para cruzar o local.

Já na porta de uma garagem no bairro Passaré, na zona Sul da cidade, houve um incidente quando manifestantes tentaram impedir a saída de coletivos. Houve confronto com policiais.

Noutra garagem de ônibus, localizada na Avenida Philomeno Gomes, no bairro Jacarecanga, houve manifestação e os grevistas tentaram impedir a saída dos primeiros coletivos, mas a chegada de reforço policial sanou a situação.

Em todos os terminais de passageiros há reforço no policiamento, com patrulhas do Ronda do Quarteirão e do Policiamento Ostensivo Geral (POG), além do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) e da Guarda Municipal de Fortaleza. O Terminal do Antônio Bezerra (zona Oeste) apresenta baixo número de veículos e usuários. Já no do Papicu (Zona Leste), a informação é de que o funcionamento é normal.

LINKS PATROCINADOS