sete dias sem medo da notícia
Mudou de lado
Guimarães volta atrás e Cid perde mais um apoio para comandar emendas da bancada do Ceará
José Guimarães foi mais um deputado que deixou o bloco de Cid Gomes
Cid Gomes
Por : Redação CN7
18/11/21 15:43

O impasse envolvendo os R$ 212 milhões em emendas de bancada continua. Faltando horas para o encerramento do prazo, o deputado federal, José Guimarães (PT), propôs que o acordo decidido no encontro do dia 09/11 para a divisão dos recursos de forma igualitária entre os 25 parlamentares fosse cumprido. Desta forma, ele deixou o bloco de apoiadores do senador Cid Gomes (PDT), que agora conta com apenas 13 deputados.

Em reunião realizada nesta quinta-feira (18), em Brasília, o senador Cid Gomes se irritou profundamente com a proposta de José Guimarães. Inconformado por perder mais um deputado, o ex-ministro da Educação afirmou que tinha assuntos mais importantes a resolver e desprezou a perda de R$ 212 milhões que poderia ser distribuído entre os 184 municípios do Ceará. Na oportunidade, Cid foi participar da reunião da coordenação de campanha do irmão, Ciro Gomes (PDT).

Cid Gomes precisa de 15 assinaturas para que possa impor sua vontade e dividir os R$ 212 milhões em emendas em 50% para o Governo do Ceará, cerca de R$ 106 milhões, 25% para a Prefeitura de Fortaleza, cerca de R$ 53 milhões, 10% para instituições de ensino federais, cerca de R$ 21,2 milhões e 15% para os parlamentares cearenses, algo em torno de R$ 32 milhões.

Confira os deputados pró e contra Cid Gomes:

Favoráveis

  • Leônidas Cristino (PDT)
  • André Figueredo (PDT)
  • Robério Monteiro (PDT)
  • AJ Albuquerque (PP)
  • Domingos Neto (PSD)
  • Eduardo Bismarck (PDT)
  • Idilvan Alencar (PDT)
  • Dênis Bezerra (PSB)
  • Júnior Mano (PL)
  • Pedro Bezerra (PTB)
  • Célio Studart (PV)
  • Genecias Noronha (Solidariedade)

Contrários

  • Danilo Forte (PSDB)
  • José Guimarães (PT)
  • Luizianne Lins (PT)
  • José Airton (PT)
  • Moses Rodrigues (MDB)
  • Vaidon Oliveira (PROS)
  • Dr. Jaziel (PL)
  • Capitão Wagner (PROS)
  • Heitor Freire (PSL)

Contagem regressiva

A Presidente da Comissão Mista de Orçamento (CMO), senadora Rose de Freitas (MDB-ES), informou à bancada cearense nesta quinta-feira (18) que não vai mais adiar o prazo para a entrega das emendas. Até o momento, 25 estado e o Distrito Federal entregaram as emendas de bancada. O prazo final é até às 18 horas desta quinta.

Caso o impasse criado pelo senador Cid Gomes não se resolva, o Estado do Ceará perderá R$ 212 milhões em emendas de bancada. Prefeitos dos 183 municípios cearenses querem os recursos das emendas para o desenvolvimento de projetos nas cidades.

LINKS PATROCINADOS