sete dias sem medo da notícia
Folha de S. Paulo
Guimarães confirma avanço na criação de federação entre PT, PSB e PCdoB
Partidos deverão atuar como se fosse uma única agremiação durante quatro anos
Alex Ferreira/Câmara dos Deputados
Por : Redação CN7
05/12/21 8:20

Como havia adiantado o CN7 nesta semana, estão avançadas as negociações para criação de uma federação entre PT, PSB e PCdoB. A confirmação é do próprio vice-presidente da legenda, deputado federal José Guimaraes (CE).

“A ideia é anunciar uma ampla frente, parecida com a que teve no Uruguai, liderada pelo Lula”, disse Guimarães à Folha de S. Paulo. Ele faz referência à coalizão de esquerda uruguaia Frente Ampla, dos ex-presidentes Tabaré Vázquez e José Mujica.

O que é a Federação?

De acordo com o Projeto aprovado no Congresso e sancionado em setembro pelo presidente Jair Bolsonaro, dois ou mais partidos podem se reunir em uma federação e, após registro no Tribunal Superior Eleitoral, atuarão como se fosse uma agremiação única.

Fica assegurada, porém, a identidade e a autonomia dos partidos integrantes da federação.

Os partidos reunidos em federação deverão permanecer a ela filiados por, no mínimo, quatro anos. No caso de desligamento de um ou mais partidos, a federação continuará em funcionamento, até a eleição seguinte, desde que nela permaneçam dois ou mais partidos.

LINKS PATROCINADOS