Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

Governo propõe indenização para familiares de vítimas da chacina do Curió

Proposta prevê o pagamento de até R$ 150 mil e pensões de até um salário mínimo

26/09/23 10:13

O governador do Ceará, Elmano de Freitas, encaminhou à Assembleia Legislativa do Ceará (Alece) um pedido para conceder indenizações aos familiares e sobreviventes da chacina ocorrida em 2015. A proposta prevê o pagamento de até R$ 150 mil e pensões de até um salário mínimo, dependendo da situação de cada beneficiário. Onze pessoas foram assassinadas no trágico episódio.

O projeto deve começar a tramitar na Alece nesta terça-feira (26). Neste ano, o Poder Judiciário começou a julgar os policiais militares acusados de serem os autores do crime. Seis PMs foram condenados e outros 14 foram absolvidos até agora.

Segundo o projeto, o governo planeja conceder as seguintes quantias: R$ 150 mil para o núcleo familiar da vítima que faleceu ou ficou totalmente inválida, R$ 80 mil para vítimas que sofreram sequelas afetando sua capacidade de trabalho, e R$ 30 mil para vítimas que enfrentaram abalos psicológicos.

A aceitação dessa indenização proposta pelo Estado implicará no encerramento voluntário de processos judiciais em curso contra o governo em relação aos danos causados pela ação dos policiais militares na chacina. O governador destacou que, embora nada possa trazer de volta os entes perdidos em 2015, o Estado assume a responsabilidade de, pelo menos, proporcionar algum alívio às famílias por meio do pagamento de uma indenização justa.

LINKS PATROCINADOS