Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

Governo ameaça cortar cargos e emendas de aliados que assinaram pedido de impeachment contra Lula

Parlamentares devem retirar assinaturas, ou serão penalizados

José Guimarães (Foto: Paulo Sergio/Câmara dos Deputados)

27/02/24 16:19

O Governo Federal mandou um recado aos deputados de partidos da base aliada, que assinaram o requerimento da deputada federal Carla Zambelli (PL-SP), pedindo a abertura de um processo de impeachment contra o presidente da República. Informou que as siglas tem até a próxima quinta-feira (29) para convencerem seus filiados a retirarem as assinaturas. Caso contrário, serão penalizados. As informações são do colunista Igor Gadelha, do portal Metrópoles.

Siga o canal do CN7 no WhatsApp

De acordo com o líder do Governo Lula na Câmara dos Deputados, José Guimarães (PT), o governo será firme com os parlamentares da base aliada, que assinaram o requerimento. Caso não retirem as assinaturas, o governo cortará cargos e emendas que esses deputados indicaram.

Inscreva-se no canal do CN7 no Telegram

O tema foi debatido durante reunião de líderes governistas, realizada nesta terça-feira (27). Uma lista com os nomes dos deputados da base aliada que assinaram o pedido de impeachment contra Lula será enviada ao Palácio do Planalto, para que o governo tome providências.

LINKS PATROCINADOS