Sete dias por semana sem medo da notícia!
Gleisi Hoffmann ‏desqualifica ataque de Ciro a Lula; Deputado também se posiciona
Confronto terá efeitos direto na política do Ceará, nas eleições para governo em 2022

A presidente nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), Gleisi Hoffmann, posicionou-se nas redes sociais nesta quarta-feira (15) sobre os novos ataques de Ciro Gomes ao ex-presidente Lula, na última terça-feira (14).

Além da líder petista, o deputado federal José Airton Cirilo (PT-CE), também enviou resposta às declarações de Ciro. “E quanto a ser defunto eleitoral acho que ele não conseguiu superar a frustração de não ter conseguido ir ao segundo turno das eleições presidenciais”, escreveu.

Gleisi desqualificou a fala do FG em entrevista ao programa #Provocações da TV Cultura, na última terça-feira (14). Ciro Gomes anunciou ainda a morte política de Lula. “No PT, todo mundo sabe que do ponto de vista eleitoral o Lula é carta fora do baralho. Como manejar este defunto eleitoral é muito delicado para todos eles (…). Ele está inelegível até fazer 90 anos”, disse.

Em sua conta no Twitter, a petista escreveu: “Um verdadeiro líder não foge à luta, não abandona seu país nem seu povo, por mais duras q sejam as condições. Por isso, Lula está cada vez mais vivo no coração e na memória de nossa gente. Ciro Gomes precisa ofender Lula pra não cair no esquecimento. Haja paciência.”

O confronto terá efeitos direto na política do Ceará. A sucessão do governador Camilo Santana, em 2022, pode ser atingida.

Confira

Nota completa do deputado José Airton Cirilo

Respeito o ex-governador Ciro Gomes, por sua inteligência, no entanto, mais uma vez, ele arrota impropérios e ofende de forma covarde e desleal o ex Presidente Lula.
Conheço Lula há mais de 30 anos como metalúrgico, sindicalista, dirigente partidário e Presidente da República.
Todos sabem da seriedade, da honradez e do compromisso com a Nação do Presidente Lula, ele nunca enganou ninguém, e por isso, acho extremamente, desleal e injusto de quem já foi Ministro da Integração Nacional do governo do maior presidente desta nação, inclusive, o PT do Ceará, deixou de me apoiar para Governador em 2006, quando eu já tinha sido 2 vezes candidato em 98 e 2002, tendo levado as eleições para o segundo turno, e seria o candidato natural, mas o PT Cearense, preferiu deixar de me apoiar para apoiar o seu irmão Cid Gomes ao governo do estado, e, devido a esse apoio, do PT ganhou as eleições e nos governos de Lula e Dilma fez um grande governo no Ceará.
Ciro mais uma vez, ofende uma das pessoas mais dignas deste país, que é o Lula estando preso injustamente.
E quanto a ser defunto eleitoral acho que ele não conseguiu superar a frustração de não ter conseguido ir ao segundo turno das eleições presidenciais . Ciro não pode colocar em terceiros seus requalques.
Queria eu ter o apoio desse defunto que conseguiu eleger Dilma e levar Haddad para o segundo turno, tamanha sua credibilidade, seu legado, reconhecido pelo povo brasileiro, sendo um dos maiores líderes mundiais.

José Airton Cirilo
Deputado Federal

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também