sete dias sem medo da notícia
Gestão Ivo Gomes altera ficha de ponto de professores para reduzir salários
Centro de Educação Infantil de Sobral / Foto: Wellington Macedo
Por : Redação CN7
18/09/17 15:27

Cerca de 200 professores estagiários dos Centros de Educação Infantil de Sobral estão acusando, segundo apuração de Wellington Macedo, a Secretaria de Educação do município de alterar as fichas de ponto dos professores para reduzir o pagamento das bolsas-auxílio em 70%, somando um prejuízo aos trabalhadores de aproximadamente R$ 100 mil.

Os estudantes universitários foram contratados pela gestão Ivo Gomes (PDT) como professores estagiários, trabalhando 4h por dia em escolas com crianças de 0 a 6 anos e recebendo uma bolsa-auxílio de R$ 400. No entanto, após 40 dias trabalhando, nenhum centavo foi transferido para a conta dos professores, que ameaçaram entrar em greve até que a situação fosse resolvida.

A gestão Ivo, então, prometeu que o pagamento seria realizado e, após 48h, pouco mais de R$ 100 foi depositado na conta dos professores, cerca de 30% do que deveria ter sido pago referente ao mês de agosto. Diante da irregularidade, os universitários tiveram acesso às fichas de ponto e perceberam que elas foram alteradas de forma a “apagar” a presença dos professores em 13 dias de trabalho, como se tivessem trabalhado apenas 10 dias no referido mês, resultando na perda de cerca de 70% das bolsas-auxílio.

O caso já foi levado denunciado ao Ministério Público do trabalho.

Confira a ficha de ponto alterada:

Com informações de Wellington Macedo

 

LINKS PATROCINADOS