Fortaleza, Ceará e Sport buscam reconhecimento de título brasileiro

Clubes querem equiparar importância do Torneio Norte/Nordeste com "Robertão"

(Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

09/02/24 14:59

Fortaleza, Ceará e Sport buscam, junto à Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o reconhecimento do Torneio Norte/Nordeste de 1968, 1969 e 1970 como título brasileiro. O intuito dos clubes é equiparar o grau de importância da competição com a Taça Roberto Gomes Pedrosa, realizada entre os anos de 1967 e 1970, e que ganhou o status de Campeonato Brasileiro em 2010, reconhecido e homologado pela CBF.

Siga o canal do CN7 no WhatsApp

Torneio Norte/Nordeste foi organizado pela Confederação Brasileira de Desportos (CBD), percursora da CBF. Nos anos de 1968 e 1969, o torneio foi disputado entre os campeões do Torneio do Norte e do Torneio do Nordeste. Já em 1970, a fase final foi disputada em um quadrangular – formado por quarto equipes.

O Sport foi campeão do Torneio Norte/Nordeste de 1968, vencendo o Remo; o Ceará levou o título em 1969, também diante do Remo; o Fortaleza, venceu o quadrangular de 1970, derrotando o Sport.

O pedido para o reconhecimento da competição como título nacional será feito pela Federação Cearense de Futebol (FCF) e Federação Pernambucana de Futebol (FPF-PE).

Inscreva-se no canal do CN7 no Telegram

Os clubes entendem que o peso do Torneio Norte/Nordeste é o mesmo da Taça Roberto Gomes Pedrosa, que era disputada apenas por 15 clubes de cinco estados: cinco times do Rio de Janeiro, cinco de São Paulo, dois de Minas Gerais, dois do Rio Grande do Sul e um do Paraná. Palmeiras, em 1967 e 1969; Santos, em 1968; e Fluminense, em 1970, foram os campeões.

Outro ponto que será levantado por Fortaleza, Ceará e Sport é que o reconhecimento do título do Atlético-MG, de 1937, como título brasileiro. Esse torneio foi disputado apenas por clubes de Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

LINKS PATROCINADOS