Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

Fevereiro registra aumento de apreensões de armas em Fortaleza

Ceará também registrou aumento em fevereiro

16/03/24 9:53

O trabalho conjunto das Forças de Segurança do Ceará resultou em um aumento de 30,4% no número de armas de fogo apreendidas na cidade de Fortaleza no mês de fevereiro deste ano, quando comparado com o mesmo mês de 2023. Ao todo, foram apreendidas 120 armas de fogo na Capital em fevereiro deste ano, contra 92 armas recolhidas no mesmo período do ano passado. Os dados foram compilados pela Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp), órgão vinculado à Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

O Ceará também apresentou um aumento de 9,6% no número de apreensões em fevereiro deste ano, quando 514 armas de fogo foram retiradas de circulação. No mesmo período de 2023, foram recolhidas 469 armas de fogo. 

O coordenador geral de Operações da Polícia Militar do Ceará (PMCE), coronel Kilderlan Nascimento, comentou que a integração e o esforço dos profissionais garantem os bons resultados. “Esse é um resultado do trabalho integrado das Forças de Segurança do Ceará. Tanto da Polícia Civil, por meio do trabalho investigativo na condução de suas operações, como da Polícia Militar, através do trabalho ostensivo. Além do trabalho de direcionamentos realizado pelas inteligências dos órgãos e pela Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp), da SSPDS”, destacou. 

Bimestre 

Conforme os dados da Supesp, se comparado o primeiro bimestre de 2024 em relação ao primeiro bimestre de 2023, o aumento nas apreensões foi de 7,2% na Capital. Enquanto nos dois primeiros meses do ano passado, foram apreendidas 237 armas; no mesmo período deste ano 254 armas de fogo foram tiradas de circulação em Fortaleza.  

Referente às apreensões de armas de fogo em todo o Estado, no compilado dos dois primeiros meses de 2024, destaca-se um aumento de 5,8%, quando 1.094 armas foram apreendidas nas ações realizadas em todo o Ceará. Enquanto no primeiro bimestre de 2023, 1.034 armas foram apreendidas.

Apreensões na Capital

Ao longo do mês de fevereiro,  a atuação das equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE) realizaram, de forma ininterrupta, diligências e patrulhamentos que contribuíram para o resultado desse aumento de apreensões de armas de fogo. Como por exemplo, em ações distintas realizadas na Capital, a PMCE prendeu em flagrante dois suspeitos e apreendeu duas armas de fogo e mais de 120 munições. As ofensivas aconteceram nos bairros Genibaú e Bom Jardim, ambos pertencentes à Área Integrada de Segurança 2 (AIS 2) de Fortaleza. Já uma ação da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) resultou na prisão em flagrante de dois homens em posse de arma de fogo, munições e entorpecentes. A captura aconteceu no bairro Planalto Ayrton Senna – Área Integrada de Segurança 9 (AIS 9) de Fortaleza.

LINKS PATROCINADOS