sete dias sem medo da notícia
Ferruccio Feitosa e Quintino Vieira são alvo do Ministério Público Federal no Ceará
Por : Redação CN7
04/05/17 10:27

O Ministério Público Federal no Ceará investiga a aquisição de cadeiras para a Arena Castelão, na gestão Cid Gomes. Três empresas precisam prestar esclarecimentos: Incontri Comércio de Objetos para Decoração, Pknoll Comércio de Móveis e Nöra – Comércio, Importação e Exportação de Móveis. Todas de São Paulo.

Além das empresas, também vão ter de se explicar Ferruccio Feitosa e Quintino Vieira, que à época do governo Cid eram, respectivamente, secretário especial da Copa no Ceará e superintendente do Departamento de Arquitetura e Engenharia.

A suspeita principal cai sobre a empresa Nöra, que teria pago por fora R$ 8 milhões para ganhar a licitação e poder fornecer cadeiras à Arena Castelão.

Entenda

Essa não é a única dor de cabeça que integrantes do governo Cid terão de remediar. Existem denúncias de superfaturamento em até 25% do valor das obras do Centro de Eventos do Ceará. Além, é claro, de mais problemas com a Arena Castelão.

LINKS PATROCINADOS