sete dias sem medo da notícia
Leia o comunicado
Facção cearense GDE dá prazo de 72 horas para postos de combustíveis baixarem os preços
A facção criminosa faz uma ameaça caso a solicitação não seja atendida
Por : Redação CN7
28/10/21 20:01

Em comunicado disseminado pelas redes sociais, nesta quarta-feira (27), a facção criminosa cearense Guardiões do Estado (GDE) deu um prazo de 72 horas para os postos de combustíveis baixarem os preços em Fortaleza. Caso contrário, a facção ameaçou incendiar 20 postos. Vale lembrar que, recentemente, a facção Comando Vermelho (CV) também fez o mesmo no Amazonas.

Em nota, a GDE afirma que irá tomar providências sobre o constante aumento nos preços dos combustíveis em Fortaleza. “Já que os órgãos competentes não tomam uma atitude sobre tal fato, nós, do crime organizado, vamos tomar”, diz em um trecho do comunicado.

Leia o comunicado na íntegra:

Viemos através desse salve deixar toda a população de Fortaleza ciente: iremos tomar providências sobre os preços dos combustíveis que estão subindo quase todos os dias e estão prejudicando todos os cidadãos de bem da cidade de Fortaleza e do Estado do Ceará. Já que os órgãos competentes não tomam uma atitude sobre tal fato, nós, do crime organizado, vamos tomar. Vamos dar um prazo de 72 horas para os preços dos combustíveis baixarem no Estado. Caso contrário, iremos explodir 20 postos de combustíveis dentro do Estado. O salve foi dado. Pega a visão quem quiser. Um abraço forte e sincero e leal a todos os cidadãos de bem do Estado do Ceará

Ass: 745

Confira fotos do comunicado:

LINKS PATROCINADOS