Sete dias por semana sem medo da notícia!
Exames de DNA comprovam que os corpos carbonizados eram de publicitária e do tio
Os restos mortais foram encontrados em um carro incendiado, no Município de Paracuru
Thaís e Jorge Luís desapareceram no trajeto entre Fortaleza e Paracuru na noite de 15 de dezembro, e foram encontrados mortos em um carro incendiado
Ouça a matéria

Exames de DNA realizados pelos especialistas em genética forense da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) comprovaram que os corpos encontrados carbonizados na cidade de Paracuru (a 100Km de Fortaleza), em dezembro último, eram da publicitária Thaís Amaral de Oliveira Lopes, 24 anos; e de seu tiro, o comerciário Jorge Luís Farias Lopes, 52. O crime continua sob completo mistério.

O crime aconteceu na madrugada do dia 15 de dezembro, quando o carro de Jorge Luís foi encontrado incendiado na Estrada de São Pedro, uma via de acesso paralela à CE-085, que dá acesso a Paracuru e outras cidades da zona litorânea da Região Metropolitana de Fortaleza, como Caucaia, São Gonçalo do Amarante e Paraipaba.

De acordo com as investigações iniciais da Polícia, no dia anterior ao crime, Jorge Luís Farias Lopes saiu de casa, no bairro Quintino Cunha, e foi  buscar a publicitária em sua casa, no bairro Carlito Pamplona, ambos localizados na zona Oeste de Fortaleza. O casal teria ido a uma festa de formatura em Parangaba e iria seguir viagem para a casa de praia de Jorge Luís, em Paracuru. No entanto, no dia seguinte, os familiares ficaram aflitos com o súbito desaparecimento do casal.

Sem resposta

Quando o dia amanheceu, moradores da localidade de São Pedro se depararam com o carro incendiado e os restos mortais carbonizados. A Perícia Forense esteve no local e recolheu os restos mortais do casal. Exames de DNA feitos com a coleta de amostras de material genético dos familiares comprovaram que os mortos eram mesmo Thaís e Jorge Luís.

A Polícia não descarta a hipótese de um crime passional ou um caso de acerto de contas. No entanto, as duas famílias não receberam até agora nenhuma resposta das autoridades.  No último sábado (4), os restos mortais de Jorge Luís foram sepultados no cemitério Parque da Paz, em Fortaleza.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também