sete dias sem medo da notícia
Pesquisa
Estudo identifica fatores associados a acidentes de trânsito com vítima em Fortaleza
Por : Redação CN7
07/10/21 9:54

Pesquisa de mestrado no Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Transportes da Universidade Federal do Ceará mapeou as principais variáveis dos acidentes de trânsito com vítimas em Fortaleza. O pesquisador Lucas Tito Pereira Sobreira e seu orientador, Prof. Flávio Cunto, analisaram registros de acidentes de trânsito e compararam-nos com os bancos de dados da Prefeitura de Fortaleza.

Os pesquisadores conseguiram identificar padrões: os acidentes sem vítima estão diretamente relacionados aos períodos de trânsito intenso, o que já era esperado. Mas, quando os acidentes com vítimas foram analisados, os pesquisadores perceberam que não havia um padrão único.

De acordo com a pesquisa, esse tipo de sinistro tende a ocorrer em duas situações bem distintas: quando há grande demanda veicular em uma via com semáforos com “ciclo curto” (que abrem e fecham de forma rápida); e na situação inversa: quando há baixa demanda de veículos com semáforos que demoram a fechar. Na prática, isso abre novas possibilidades para o gerenciamento de tráfego na Capital.

Para chegar a essas conclusões, foi necessário mudar a abordagem mais tradicional das pesquisas de segurança viária: em vez de usar os dados médios, passou-se a “desagregar” as informações para analisá-las em intervalos pequenos de tempo (no caso, a cada 15 minutos). Dessa forma, foi possível entender de forma mais precisa as condições que antecedem cada sinistro.

A matéria completa sobre a pesquisa está disponível na edição desta semana da Agência UFC, a plataforma de divulgação científica da Universidade Federal do Ceará.

LINKS PATROCINADOS